Tipos estruturais de cabelos

quantidade-hidratacao-cabelos-cacheados

Cabelos lisos

Têm diâmetro maior e são redondos ao corte transversal. São vistos nas raças mongólica, chinesa, nos esquimós e índios americanos. O folículo está em posição reta e assim o fio cresce reto e liso ao sair do couro cabeludo. A queratina é distribuída uniformemente pelo fio. Cabelos lisos costumam permitir um fluxo maior de oleosidade produzida no couro cabeludo para as pontas, permitindo a formação de um filme lipídico mais uniforme em toda a extensão da fibra e assim uma menor perda de água por evaporação, o que mantém o fio hidratado por mais tempo.

O fio cilíndrico é menos propício à formação de nós e menos suscetível a danos. Além disso, a superfície lisa dos cabelos reflete mais facilmente à luz, tornando os fios naturalmente brilhantes.

 

Cabelos ondulados

O diâmetro ao corte transversal é oval e são encontrados em vários grupos étnicos, principalmente nos caucasianos. A queratina é distribuída irregularmente, concentrando-se mais em algumas extremidades. Possuem a haste lisa, porém com curvatura central em forma de “s” e por isso normalmente nascem lisos na raiz e formam cachos ao longo do fio.

A menor fluidez da oleosidade do couro cabeludo ao longo da fibra faz com que a formação do filme lipídico tenha mais dificuldade de chegar até as pontas, o que torna o cabelo cacheado mais frágil, com pontas mais secas. Tendem a ser mais ressecados e frisados que os lisos e mais sujeitos a quebra mecânica. Quando os cabelos cacheados estão saudáveis, os cachos ficam bem definidos e os fios mais maleáveis, hidratados e com brilho.

 

Cabelos crespos

O diâmetro ao corte transversal é de forma espiralada e são encontrados nas raças negras. Sua haste tem curvatura extremamente acentuada e nasce espiralada desde a raiz. Essa característica torna mais difícil a distribuição da oleosidade natural do couro cabeludo ao longo dos fios deixando-os, por consequência, muito mais secos.

Por isso são mais difíceis de pentear e mais sujeitos à formação de nós, tornando-os mais frágeis e quebradiços. A superfície dos cabelos crespos não reflete luz, assim adquire uma aparência seca e opaca. Considerando as características naturais dos cabelos crespos, como também os efeitos de fatores externos, são necessários cuidados específicos que proporcionem hidratação, nutrição e ajudem a controlar o volume e a deixar os cachos mais bonitos e definidos.

 

Tipos de Cabelos Segundo Teor Lipídico

 

Cabelos oleosos

Apresentam muito óleo no couro cabeludo, dando um aspecto engordurado e sujo. A produção de óleo é andrógeno-dependente. Deve ser lavado diariamente.

 

Cabelos secos

A haste do cabelo se apresenta seca, sem brilho e é mais susceptível aos danos físicos e químicos. Deve ser lavado menos vezes para se evitar o agravamento do quadro. Sempre se deve associar o uso de condicionadores.

 

Cabelos mistos

São aqueles cabelos oleosos na raiz e secos nas pontas. A maioria dos cabelos compridos apresenta esta característica. Devem ser lavados com xampu para cabelos oleosos e sempre associar o uso de um condicionador.

Leave a Reply

Your email address will not be published.